Lamentável: Bandidos matam policial de UPP no Rio de Janeiro e comemoram no Facebook


Da Veja - Mais um policial do programa de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) foi morto por traficantes. No dia em que foram ocupadas a Vila Kennedy e a Metral – favelas da Zona Oeste – para a criação da 38ª UPP, bandidos mataram, com um tiro na cabeça, o aspirante a oficial Leidson Acácio Alves, de 27 anos, subcomandante da unidade da Vila Cruzeiro, no Complexo do Alemão. Ele foi atingido na Rua 10 e chegou a ser socorrido ao Hospital Getúlio Vargas, mas não resistiu ao ferimento. O crime aconteceu no fim da noite desta quinta-feira, quando traficantes, por volta de 22h30, fizeram quatro ataques simultâneos a PMs em pontos diferentes da região.

Momentos após o ataque que vitimou o policial, um perfil no Facebook comemorou a crueldade. O usuário da rede social que usa o nome de “Timbalzinho da Penha” publicou uma foto do local onde Acácio foi morto, com as manchas de sangue no chão, e escreveu: “Ficou enguiçado em c... azul. É a Penha!”