Governo Federal gastou R$1,9 bilhão em segurança para Copa


O governo anunciou que está preparado para qualquer situação durante a Copa do Mundo. Em entrevista a jornalistas no Palácio do Planalto, os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça) e Celso Amorim (Defesa) informaram que o governo gastou R$ 1,9 bilhão em segurança pública para o evento e que 37 mil militares, além de 100 mil agentes de segurança pública, atuarão durante o mundial.

Cardozo disse ter informações de que as manifestações não terão a mesma dimensão das que arrebanharam mais de um milhão de pessoas às ruas em junho do ano passado. Sobre a possibilidade de greve das polícias, Cardozo disse achar improvável, mas que se ocorrer, há planos alternativos para que eventuais paralisações causem pane do sistema de segurança montado.