Homem que provocou quebra-quebra na Secretaria de Saúde de Acari pode ter sido influenciado por terceiros

Está preso na Delegacia de Acari o autor do delito praticado nesta quarta-feira (07) pela manhã na Secretaria Municipal de Saúde. Trata-se de Luciano Batista da Silva (foto), 46 anos, natural de Currais Novos, residente na Rua Antônio Avelino Dantas (Vila de Paulo de Albino), nº 11, Bairro Tarcísio Bezerra Galvão, em Acari. Ele foi indiciado por crime de dano com os seguintes agravantes, que causam aumento de pena: uso da violência e depredação do patrimônio público. Após conclusão do inquérito, o promotor de Justiça poderá enquadrá-lo em outros tipos penais.

Luciano foi o causador de verdadeiras cenas de terror dentro da Secretaria Municipal de Saúde. Ele invadiu o prédio portando duas estacas de madeira, ameaçou funcionários e promoveu um quebra-quebra de equipamentos, incluindo computadores, TV de plasma e impressoras. O indiciado tentou ainda causar um incêndio liberando gás de cozinha no interior da secretaria, mas foi imobilizado e levado pela Polícia a tempo.

De acordo com a secretária de Saúde, Virgínia Lélia, Luciano sempre recebeu assistência da sua gestão quando precisou. Inclusive nos últimos dias fez uma consulta com um profissional no município. Ocorre que, hoje pela manhã, ao chegar na Farmácia Básica, ele quis obter um medicamento diferente do que estava na receita médica, pleito que não pôde ser atendido. Em razão disso, Luciano ficou revoltado e apelou para o injustificável, que foi o crime.

Investigação 

O dia foi bastante movimentado na Delegacia de Acari com depoimentos de testemunhas. Há, inclusive, dentro da investigação, a possibilidade de Luciano Batista ter recebido o incentivo de terceiros para praticar o crime.

Reportagem extraída de Romeu Dantas