Entenda a ciência por trás da polêmica sobre a cor do vestido azul/branco

O fenômeno é conhecido como “ilusão de luminosidade”, um tipo de ilusão de ótica.
Milhões de pessoas estão envolvidas em discussões acaloradas em torno da cor de um vestido. Uns juram que a roupa é azul com rendas pretas, outros gritam que é branco com rendas douradas.

A discussão virou um dos temas mais compartilhados nas redes sociais, depois que Caitlin McNeill, uma escocesa de 21 anos, publicou a foto. 

Na verdade, este debate não tanto é sobre a peça de roupa em si ou sobre a sanidade mental e ocular dos internautas. É ciência!

O fenômeno é conhecido como “ilusão de luminosidade”, um tipo de ilusão de ótica.

Como os seres humanos evoluíram para ver a luz do dia, seus cérebros começaram a levar em conta o fato de que a luz muda de cor. O que isso significa exatamente? Significa que a iluminação do entorno faz a parte do cérebro responsável por formar a imagem entender uma determinada cor de jeitos diferentes.

A cor enxergada depende do ambiente em que você está e da forma como seu cérebro interpreta esta composição. Se você olhar para a foto do vestido com outro fundo, com uma luz mais equilibrada, verá que ele é azul e preto. Mas, se a luz mudar, você poderá vê-lo branco e dourado. 

Mas vamos à resposta que interessa: o vestido, da marca Roman Originals, é azul e preto.