Ministro da Educação, Cid Gomes, é demitido após bate-boca no Congresso


Depois de incendiar o plenário da Câmara, irritar deputados e bater boca com o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o ministro da Educação, Cid Gomes, foi demitido do cargo na tarde desta quarta-feira. A informação foi divulgada pelo próprio presidente da Câmara, que disse ter recebido a notícia do chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante.