O piloto do avião que caiu na França: "Pelo amor de Deus, abre essa maldita porta!”

O arrepiante vazamento de informações sobre o desastre do voo da Germanwings continua. As gravações de uma das caixas pretas encontradas permitem reconstruir os 11 agônicos minutos que vão desde que o capitão Patrick Sondenheimer pede ao copiloto Andreas Lubitz que assuma o comando porque vai se ausentar da cabine até o primeiro choque. “Abre a maldita porta!”, gritou o capitão a Lubitz, segundo a gravação a que teve acesso a edição dominical do jornal Bild.

As gravações da caixa preta apontam para a mesma direção que o resto das pistas: Lubitz derrubou de propósito o avião no qual viajavam outras 149 pessoas.