Marta Suplicy entrega carta de desfiliação do PT após 33 anos

Após 33 anos de militância no Partido dos Trabalhadores, a senadora Marta Suplicy (SP) entregará nesta terça-feira (28) sua carta de desfiliação à legenda, informou a assessoria da petista. O documento será entregue, segundo assessores da senadora, simultaneamente aos diretórios municipal, estadual e nacional do PT, além da Justiça Eleitoral.

Filiada ao PT desde 1981, antes de se eleger para o Senado, Marta foi deputada federal e prefeita de São Paulo. No segundo mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ela assumiu o Ministério do Turismo. Marta ficou na pasta até junho de 2008 e se afastou para concorrer à prefeitura de São Paulo, retornando ao ministério na gestão Dilma Rousseff. 

Marta adotou uma postura crítica ao Executivo federal desde que deixou o primeiro escalão em novembro do ano passado, pouco depois da reeleição da petista. Na carta na qual pediu demissão do governo, ela fez críticas indiretas à condução da política econômica no primeiro mandato da petista.