"Acari foi habitada pelos Tarairiús e não pelos Carirís", afirma historiador


Na abertura da "Semana de Primavera dos Museus", realizada na noite desta segunda-feira(21), em Acari, o historiador Adriano Campelo proferiu palestra sobre a civilização indígena da nossa região. Relatou sobre o patrimônio cultural indígena, a teoria da chegada do homem na América e também sobre importantes sítios arqueológicos descobertos pelo carnaubense José de Azevêdo Dantas, no Seridó, entre os mais importantes, os de Acari, Carnaúba dos Dantas e Parelhas.

Na cidade de Acari existem sítios arqueológicos nos povoados Gargalheiras, Bulhões, no vale do rio Acauã, além de vários setores da zona rural como: Furna da Onça, Barra do Rio, Cabeço Branco e outros. 

O que chamou atenção durante toda a palestra foi a informação sobre os primeiros habitantes do município de Acari. O historiador explicou aos presentes que diferentemente do que sempre foi ensinado nas escolas, os Carirís nunca habitaram as terras das Cordilheiras e sim os Tarairiús. Essa informação sempre foi repassada de forma mal interpretada, pois os Carirís habitavam os estados da Bahia, Pernambuco e Paraíba. 

O historiador relatou também que os Tarairiús praticavam endocanibalismo e foram quase dizimados dessas terras tendo em vista a "Guerra dos Bárbaros", que só na Serra da Rajada eliminaram 1.500 índios. Muitos foram mortos no vale do Rio Acauã, havendo alguns que conseguiram escapar escondidos em furnas de pedras.

Fonte: Nelder Medeiros