Fenômeno El Niño é o mais intenso dos últimos 17 anos


Relatório da Gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) indica que as atuais condições do fenômeno El Niño – caracterizado pela elevação da temperatura do Oceano Pacífico e responsável pela circulação das águas superficiais -, devem permanecer, segundo as previsões mais otimistas, pelo menos até o início da estação do outono de 2016, o que poderia comprometer o começo do período chuvoso entre meados de fevereiro e início de março e até o fim de maio do próximo ano. 

O gerente de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot, disse que o El Niño “está bastante evidente, com a anomalia na temperatura das águas do Oceano Pacífico superando os 3 graus, mas não é possível, ainda, ainda, estabelecer uma previsão com alto grau de acerto para o período chuvoso de 2016.